Blog

30
maio

Os Excêntricos sabores Asiáticos

Quando falamos em cozinha asiática, logo vem a culinária leve e saudável japonesa ou a quente e engordativa chinesa. Ah! Sem comentar na culinária indiana que está em alta nos grandes centros.
Pois bem, hoje vou falar do quão rica é a culinária asiática! Uma das culinárias que mais me chama a atenção e que a tempos me desperta a curiosidade de conhecer esses países, e suas culinárias, de perto.
Como defino a culinária Asiática? Respondo em duas palavras: Rica e Excêntrica! Rica pela incrível variedade de ingredientes, texturas e aromas. Combinações incríveis e inimagináveis para mentes fechadas de quem não arrisca sair do trivial ou do comum. Sem falar nas barreiras culturais que as cercam, como por exemplo os indianos que veneram a vaca como animal sagrado, ou seja, tudo que vai carne bovina é proibido e mal visto pelos indianos. Excêntrico pelo fato de sempre surpreender os nossos sentidos, em muitas das receitas é possível sentir, no mesmo prato, quatro sentidos perceptíveis no paladar: azedo, doce, salgado, picante. E acreditem, isso é incrivelmente mágico!!!
Recentemente, assistindo ao programa “Diário de Olivier” no canal GNT, no qual ele mostra in loco algumas paisagens da Tailândia, o guia que o acompanhava fez, no improviso, um prato tailandês sensacional, no qual fiquei muito impressionado com a concentração e objetividade do “Guia-Chef” e pela delicadeza na apresentação dos pratos.
Na culinária Tailandesa além do sabor, o que chama mais atenção é a estética dos pratos, muito coloridos e com diferentes texturas. Posso dizer q é uma gastronomia que desperta a curiosidade, pois você sempre quer saber mais sobre ela. Alem de comer com garfo, sugiro ter sempre uma colher junto, pois a maioria dos pratos tem muito molho, geralmente a base de leite de coco ou Nam Pla (molho de peixe). O curry tailandês é algo que retrata bem o que falei sobre os sentidos perceptíveis do paladar, explosão de sabores! Hoje em dia em alta no universo de Food Trucks devido a facilidade e agilidade (sem falar no sabor, é claro) de se fazer uma boa culinária tailandesa.
Vamos falar de uma cozinha com Alma? Essa é a culinária Indiana. Também rica em cores e Aromas, e enriquecidas com culturas europeias devido as navegações. Pais que apresenta o maior numero de vegetarianos, devido a cultura e religião. Na minha opinião, motivo pelo qual utilizam muitas especiarias tornando uma culinária rica em cor, sabor e aroma.
Sabe aquele ditado “o menos é mais”? então, estamos falando de uma culinária milenar: a Chinesa! Muitos ingredientes, aromas e sabores onde o cozinheiro tem o objetivo de deixar um prato equilibrado e simplificado. Essa culinária sofreu adaptações durante os anos devido a grandes época em que o povo sofreu com a fome sem falar no número elevado da população que obriga a gastronomia local sofrer adaptações. Tem ingredientes e técnicas variadas, para vários gostos.
A mais famosa, japonesa, vai além de sushis e sashimis. Com pouco tempero e especiarias, as pessoas conseguem desfrutar do real sabor dos alimentos. É uma culinária que  estimula  vários sentidos desde o feitio até a hora de degustar, sendo ela um momento de contato com algo espiritual e de boas vibrações, ou seja, um momento particular. Normalmente um restaurante japonês tem uma decoração Zen, e uma música ambiente baixinha e tranquila.

Você também pode gosta:
Cozinha Artesanal: uma experiência reconfortante
Quer ser Cozinheiro?

Deixe um comentário